Queratinização: Veja por que e quando se deve fazer

Os contribuintes para agressão dos nossos cabelos são inúmeros. Muitas vezes, os fatores responsáveis pela danificação dos fios são ações comuns do nosso dia a dia, como a exposição ao sol, o secador e a chapinha, banho de piscina ou a coloração. Temos muitas opções para combater esse problema.

Entre os diversos tratamentos capilares com intuito de recuperar a saúde dos fios temos a queratinização. Juntamente com tratamentos em salão, um ótimo agente para contribuir com a saúde dos seus cabelos é a BeautVip, que cuida de você com excelência.

A queratinização é um tratamento muito popular entre salões. Este é um tratamento que é utilizado para recuperar os danos dos cabelos, principalmente aqueles causados por químicas. Essa técnica promete dar brilho e maciez às madeixas, tratando os fios sensíveis, diminuindo as pontas duplas, e queda. Também passa uma impressão de que alisa o cabelo, mas este não é um tratamento de alisamento.

 O que é a queratinização?

Veja como a queratina trata o cabelo danificado.

A queratinização, também conhecida como reconstrução capilar é uma carga forte de nutrientes para cabelos que foram muito desgastados. Ela repõe as proteínas do cabelo por causa da adição de queratina. Esse tratamento cicatriza as cutículas do cabelo através de proteínas, o que dar uma hidratação mais profunda para os fios e dura por mais tempo.

  Hidratação para cabelo ressecado - Qual escolher?

Para que serve?

A queratinização tem o objetivo de reduzir o impacto causado por química, devolvendo a vida ao cabelo, tratando as pontas, duplas reduzindo a queda dos fios e diminuindo o frizz. Após o tratamento, o cabelo fica mais calmo e consequentemente mais liso, e sua ocorre pela ação da queratina quando entra em contato com os fios. Apesar disso, o tratamento não é um procedimento de alisamento.

Etapas da queratinização

Fique atento as necessidades do cabelo.

Geralmente, a queratinização capilar é feito em quatro etapas. Isso pode variar, dependendo do profissional e da necessidade do seu cabelo, mas os processos costumam ser similares.

  1. Limpeza profunda.
  2. Aplicação de queratina.
  3. Aquecimento dos fios para a melhor penetração do produto.
  4. A finalização.

Senão feita de forma correta, o resultado pode não ser o ideal. Portanto fique atento ao processo.

Como fazer:

O tempo mínimo necessário para o tratamento é de uma hora .

  1. Lave os cabelos: o primeiro processo é a lavagem com shampoo anti-resíduos faça esse processo duas vezes para que o produto abre as escamas do cabelo.
  2. Seque completamente os fios: faça a secagem do cabelo com uma toalha, tirando todo o excesso de água. Ajude com secador. O cabelo precisa estar seco.
  3. Divida o cabelo em mechas e aplique a queratina: divida o cabelo em mechas pequenas e aplique com cuidado o creme à base de queratina.
  4. Enxágue escolhe os cabelos: depois que o produto for completamente retirado com enxágue, a finalização é feita com a escova nos cabelos (esse é um processo opcional).
  Hidratação com condicionador: veja como fazer

Benefícios da queratinização

A queratina se apresenta como uma proteína fibrosa composta de aminoácidos, a mesma composição presente na maior parte da estrutura capilar e também nas unhas. Em decorrência de ações químicas, a redução da queratina do cabelo é comum, deixando os esportes e desprotegidos, fazendo com que ocorra a perda de nutrientes.

A queratinização é um tratamento que vai repor essa proteína, reestruturando o fio e a defesa do cabelo, protegendo e fortificando o fio. Esse processo não precisa ser selado com a chapinha, até porque a queratina não precisa de alta temperatura para chegar ao córtex. Mas é algo da preferência de alguns profissionais. Essa técnica deixa os cabelos fortes, resistentes e preenchidos na cutícula, reforça as fibras mais frágeis, e compõe a elasticidade do fio e alinha o cabelo deixando mais brilhoso e sem textura áspera.

Diferenças entre queratinização e cauterização

Embora sejam tratamentos com o mesmo objetivo, eles apresentam diferenças marcantes, especialmente no preço. O tratamento de queratinização não é necessariamente finalizado com uma fonte de calor, assim não sofrendo com efeitos colaterais (cabelo áspero, por exemplo). Já cauterização é finalizada através de selagem com chapinha, o que trará a aparência mais lisa do que com a queratinização.

  Hidratação para cabelo quebrado - 5 receitas infalíveis

Para quem é indicado?

Tratamentos profundos e potentes com queratina são indicados para cabelos muito danificados (do contrario, recorra a uma hidratação comum), que não apresenta efeito com nenhuma máscara. Pode ser feito em qualquer tipo de cabelo. Procure um profissional para que possa avaliar e o tratamento é necessário, pois se aquele utilização for feita em um cabelo que não necessita dela, o resultado pode ser contrário.

Em quanto tempo posso repetir o processo?

A queratinização é composta por produtos muito potentes em queratina, por isso o resultado é duradouro. Mesmo com cabelos muito danificados não há necessidade do tratamento ser feito com frequência. Se necessário pode ser feito a cada 15 dias.