Hábitos que auxiliam no combate a acne

A acne é uma das dermatoses mais comuns da vida, atingindo a maioria da população em algum momento da vida.

Elas inclusive, causam um grande desconforto durante a vida.

Graças aos avanços da tecnologia, existem várias terapias tópicas e orais que podem ajudar no combate e prevenção de cravos e acne.

ÓLEO SECATIVO

Ao olhar para a aparência da nova coluna vertebral, procuramos naturalmente soluções específicas que apenas ajudam a tratar esta nova mudança.

O problema é que existem muitas glândulas sebáceas em nosso rosto, que podem bloquear e promover a reprodução de acnes a qualquer momento.

Portanto, o método ideal é o uso de medicamentos anti-acne em todo o rosto, pois substâncias secas, também podem ajudar a prevenir o aparecimento de novas acne.

PRODUTOS ANTIACNE

Pessoas com acne passarão por momentos de melhora e agravamento da doença, com ou sem grande número de espinhas.

  Evite exageros nos cuidados com a pele e o cabelo

No entanto, independentemente da presença de espinhas, o produto indicado deve ser usado continuamente, todos os dias, de acordo com os procedimentos indicados pelo médico.

Isso ocorre porque o uso diário de produtos menos agressivos para controlar a acne é mais eficaz do que apenas quando a acne aparece.

Além disso, o tratamento diário pode minimizar a irritação da pele.

ESPREMER ESPINHAS

É tentador espremer essas espinhas da pele.

Mas este é um dos hábitos de acne mais graves.

Como uma doença inflamatória, espremer espinhas vai exacerbar a inflamação, causando manchas e cicatrizes.

NÃO ABUSE DOS PRODUTOS

O peróxido de benzoíla, uma substância ativa antibacteriana contra bactérias que causam acne e inflamação, é um conhecido ingrediente eficaz para o tratamento da acne.

Porém, não é necessário o uso de grandes concentrações de substâncias para aumentar sua eficácia.

  Micropigmentação de sobrancelha: saiba o que é e tudo sobre o processo de pigmentação

Na verdade, o peróxido de benzoíla pode matar bactérias causadoras de acne, mesmo em níveis baixos, e estudos mostraram que grandes quantidades dessa substância são mais irritantes e menos eficazes.

Portanto, siga as instruções do dermatologista para o uso adequado.

NÃO LAVE O ROSTO MUITO RÁPIDO

É comum reclamar que sabonetes com ingredientes anti-acne, como ácido salicílico e extratos de plantas, não têm efeito sobre a pele.

Porém, na maioria dos casos, o problema não é o produto, mas a forma como fazemos a higiene da pele.

O limpador facial precisa de tempo de contato com a pele para começar a fazer efeito.

Portanto, é inútil passar sabonete no rosto em poucos segundos.

O método ideal é massagear o sabonete na pele, contar até 30 e depois enxaguar o rosto.

ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL

A comida está diretamente relacionada com a qualidade da nossa pele.

Portanto, não faz sentido realizar tratamentos tópicos locais todos os dias e esquecer a comida.

  Como fazer hidratante caseiro: Veja os benefícios da hidratação

Até o momento, a evidência mais forte a respeito dos gatilhos dietéticos da acne é uma dieta de alta carga glicêmica.

Em um estudo, pacientes com acne mostraram melhora significativa após 12 semanas em uma dieta de baixa carga glicêmica.

Estudos subsequentes mostraram que essa dieta leva a menos biodisponibilidade de andrógenos e mudanças na produção de sebo da pele.

Estudos também mostraram que o uso de suplementos, como a proteína do soro do leite, é um fator importante no desenvolvimento da acne resistente a medicamentos.

As recomendações dietéticas para pacientes com acne incluem alimentos ou suplementos contendo probióticos, ácidos graxos ômega-3, zinco, antioxidantes, fibras e vitamina A.

Estudos demonstraram que os alimentos que contêm zinco desempenham um papel importante no controle da produção de sebo.