Ácido retinóico – O que é e quais os benefícios para a pele?

O mundo da beleza está a todo instante se renovando e trazendo novas formas de tratar determinados problemas que incomodam as mulheres. Diante desse contexto, um produto que vem chamando bastante a atenção é o ácido retinóico, cujo propósito e benefícios são bastante chamativos. Quer aprender como usar esse produto e usufruir das vantagens que ele proporciona? Então é só continuar nesse artigo!

Mulheres que usam ácido retinóico no rosto
O ácido retinóico é capaz de deixar a nossa pele ainda mais maravilhosa. No entanto, é necessário saber a maneira correta de utilizar. Quer aprender a técnica correta? Então continue nesse artigo!

As estrias são um grande problema para as mulheres e, na tentativa de remover essa característica, uma ótima dica é você passar a fazer uso do BeautVip Cel. Afinal de contas, esse produto milagroso promete tratar celulite enquanto mantém a pele hidratada e diminui aquele aspecto de aparência “casca de laranja”.

E, se você quer elevar os resultados, e fazer com que eles apareçam um pouco mais rápido, é completamente possível aliar o uso do BeautVip Cel com o ácido retinóico, visto que as suas propriedades também são benéficas para esse fim. Quer saber como fazer uso desse produto, bem como os demais benefícios? Então é só continuar nesse artigo!

O que é ácido retinóico?

Ácido retinóico é o nome popular de um composto também chamado de “tritoína”. E apesar de o nome ser bastante incomum, basicamente estamos falando de uma substância derivada da vitamina A. E essa é a principal razão pelo qual o ácido retinóico é extremamente eficiente naquilo que se propõe.

  O que comer para fortalecer os cabelos: descubra

Inicialmente o ácido retinóico estava associado ao tratamento de acnes e suavização de rugas. Mas, posterior a alguns testes, constatou-se que esse produto se demonstra extremamente eficiente em outros contextos.

Tanto que todas as suas formas clínicas são indicadas para uso, cada qual para um objetivo específico. Ademais, é interessante destacar que é possível encontrar o ácido retinóico isolado na composição de alguns cremes. Mas, em outras casos, essa substância se encontra aliada com a hidroquinona ou fluocinolona acetonida.

E apesar desses dois compostos serem utilizados para potencializar os resultados, eles devem ser ministrados com certa cautela, pois o uso incorreto pode acarretar certos problemas. Por isso, é fundamental procurar um médico especialista para que ele acompanhe o tratamento com ácido retinóico.

Por que o ácido retinóico é benéfico?

Basicamente o ácido retinóico é benéfico porque ele é um composto derivado da vitamina A. E essa vitamina por si só já é grandemente eficaz para tratar alguns problemas relacionados a nossa pele. Mas não é só isso.

  Creme para rugas nos olhos: Aprenda a fazer em casa

O ácido retinóico ainda é capaz de melhorar a qualidade do colágeno da pele. Como consequência, a pele tende a ficar mais firme, diminuindo a oleosidade natural e melhorando a cicatrização.

Ademais, é interessante salientar que o ácido retinóico pode ser utilizado como peeling químico, mas desde que seja numa concentração entre 1% e 5%, pois contribui para esfoliação e uma nova camada mais saudável.

Quais os benefícios do ácido retinóico?

O ácido retinóico contribui para que se possa conseguir uma pele mais saudável, hidratada e firme. Não é à toa que grande parte das pessoas que vão a um dermatologista, saem de lá com uma receita de algum produto que tenha esse composto como ingrediente. Dentre os benefícios, é possível o tratamento de:

  • Suavização de rugas;
  • Diminuição de cicatrizes de acne;
  • Melasma;
  • Sardas;
  • Acnes;
  • Manchas escuras;
  • Irregularidades na pele;
  • Cicatrizes;
  • Flacidez;
  • Aspereza na pele.

É claro que você não pode simplesmente comprar um produto que tenha o ácido retinóico na composição, começar a utilizar e esperar surtir algum efeito. Isso até pode acontecer, mas não é o recomendável.

Como já falado anteriormente, às vezes, é necessário que o ácido retinóico trabalhe junto com outros compostos para garantir um resultado mais eficiente. E apenas um dermatologista pode receitar com mais propriedade o produto correto.

  Granny Hair: Saiba o que é, seus cuidados e como fazer em casa

Como devo usar o ácido retinóico?

Há mais de uma forma possível de utilizar o ácido retinóico para tratamento da pele, e apenas um dermatologista poderá lhe informar qual é o mais indicado para o seu problema. Mas, em termos gerais, é possível usar esse medicamente por via tópica, em comprimido ou na forma de peeling químico.

Mulher tomando ácido retinóico em comprimido
Há mais de uma forma de utilizar o ácido retinóico, como em comprimido, por exemplo. No entanto, apenas um médico capacitado é capaz de informar a maneira mais apropriada.

O uso tópico é o mais comum e, nesse caso, a dose do creme ou gel deve variar entre 0,01 a 0,1% para ser usado no rosto ou no local desejado, de uma a duas vezes por dia. Já na forma de peeling químico, é necessário procurar alguma clínica de estética ou mesmo um dermatologista.

Já o uso do ácido retinóico em comprimido, está relacionado como quimioterapia, indicado por um oncologista, no combate a algum câncer. Isso porque o ácido retinóico, em doses elevadas, é capaz de causar a morte das células cancerígenas.