Relaxamento capilar: tire todas as suas dúvidas sobre essa técnica

Se você tem o cabelo muito volumoso, e quer deixá-los mais alinhados, certamente o relaxamento capilar pode ser uma técnica que lhe interesse, haja vista que ele promete esses resultados. Mas, por ser um tratamento químico, ele requer alguns cuidados especiais. Quer aprender mais sobre essa técnica? Então é só conferir esse artigo até o final.

Relaxamento capilar
O relaxamento capilar, apesar de ser um tratamento bastante antigo, é bastante incompreendido por algumas pessoas. Nesse artigo, explicaremos tudo a respeito dessa técnica.

Como o relaxamento capilar é um tratamento que leva química, após a aplicação da técnica, é necessário ter certos cuidados. E é por esse motivo que não podemos deixar de recomendar o BeautVip Hair, pois essas cápsulas vitamínicas prometem deixar os fios mais resistentes, saudáveis, fortalecidos, brilhoso e nutridos. Então, além de arrasar com o cabelo relaxado, você ainda esbanja fios mais saudáveis!

No entanto, como estamos falando de um tratamento químico, é fundamental que você tenha certos conhecimentos anterior a realizar o relaxamento capilar nos seus fios, e é esse o nosso intuito com esse artigo. Sendo assim, para conferir todas as informações, basta continuar lendo os próximos parágrafos.

O que é relaxamento capilar?

O relaxamento capilar é uma técnica bastante conhecida entre as mulheres, cujo principal objetivo é alterar a estrutura dos fios através da química. Geralmente, essa técnica é mais procurada pelas mulheres que querem diminuir o volume, tratar fios rebeldes ou deixar as madeixas alinhadas.

  Condicionador caseiro: saiba os benefícios e aprenda a fazer

Porém, uma informação extremamente interessante e que nem todas as mulheres sabem é que o relaxamento capilar não é feito para alisar o cabelo. Claro que, quando essa técnica é aplicada várias vezes, isso pode acabar acontecendo. Mas não é esse o objetivo do relaxamento capilar.

Esse é um dos tratamentos mais antigos, visto que ele chegou no Brasil nos anos 1980. E, devido a sua longa trajetória, algumas mulheres se questionam se o relaxamento capilar ainda é eficiente ou se vale a pena apostar nesse ou em outro tratamento.

Um diferencial acerca do relaxamento capilar é que esse é um procedimento que não tem a necessidade de finalizar com chapinha e secador, pois ele atua por uma ação química.

O relaxamento capilar deve ser usado apenas pelas cacheadas?

Muita se fala que apenas as mulheres com os fios crespos e cacheados podem se aproveitar do relaxamento capilar, mas não é bem assim que acontece. Claro que esse tipo de textura pode se beneficiar um pouco mais dessa técnica, mas ela não é exclusiva para fios curvados.

  5 Alimentos que fortalecem o cabelo

Na realidade, segundo alguns especialistas, o relaxamento capilar também é indicado para mulheres que possuem o cabelo liso volumoso, ou que tenham certos fios rebeldes. Fora isso, caso você tenha o cabelo ondulado, o relaxamento também pode ser utilizado por você para diminuir o volume.

Tudo depende da maneira que o profissional irá ministrar esse tratamento nos seus fios. Então, se você tem o cabelo liso, mas quer usar o relaxamento capilar, recomendamos que você procure um profissional que seja da sua confiança. Pois, se ele não souber realizar, o resultado pode ser bem diferente do que você imagina.

O relaxamento capilar serve apenas para diminuir o volume de cabelos cacheados?

De maneira alguma. Novamente falando, o intuito do relaxamento capilar não é alisar os fios, isso acontece apenas quando a mulher realiza esse tratamento de forma contínua. No entanto, é possível se beneficiar desse tratamento para deixar os cachos mais abertos, por exemplo.

Então, se você sente que os seus cachos estão muito tímidos, ou o seu cabelo é do tipo 4c, mas você quer formar algumas ondinhas, o relaxamento capilar pode sim servir para essa finalidade. Todo o resultado vai depender única e exclusivamente da forma como o seu cabeleireiro irá fazer esse tratamento em você.

Outra coisa que algumas mulheres não sabem é que é possível conseguir fios mais volumosos através do relaxamento capilar. Esse resultado irá depender da sua estrutura capilar e a maneira como o profissional solta os fios.

  Passar talco no cabelo é perigoso para os fios?

O relaxamento capilar tem algum risco?

Sim, assim como qualquer outro tratamento que se utiliza de alguma química. No caso do relaxamento capilar, ele pode ser feito tanto com tioglicolato de amônio como com a guanidina. Mas, em ambos os casos, o seu cabelo pode estar sujeito a alguns riscos.

Quando realizado da forma errada, o relaxamento capilar pode danificar os fios a um tal ponto que deixa as madeixas fracas e quebradiças. Afinal de contas, esse tratamento quebra a estrutura capilar.

O relaxamento capilar tem algum risco?
Assim como qualquer tratamento químico, o relaxamento capilar também pode oferecer certos riscos. Por conta desse motivo, é fundamental procurar um profissional capacitado

Fora isso, o relaxamento capilar pode queimar a pele e o couro cabeludo, também quando realizados da maneira errada. E como se só isso já não bastasse, esse tratamento tem uma lista de incompatibilidade química gigantesca.

Então, se você vez o relaxamento capilar, é necessário ter muito cuidado caso queira aplicar outra química nos fios, pois pode ocasionar em corte químico. A exemplo, cabelos relaxados com hidróxidos não podem fazer descoloração. Então, muito cuidado!