Despigmentação de sobrancelha: Conheça a técnica e saiba seus riscos

Se existe um procedimento estético que vem conquistando cada vez mais mulheres, é a famosa micropigmentação das sobrancelhas. Para aquelas que desejam um rosto um pouco mais marcante, e ostentar sobrancelhas mais escuras e demarcadas, essa técnica é mais do que perfeita. No entanto, e quando se deseja remover a pigmentação que foi aplicada? Para isso, existe a técnica da despigmentação de sobrancelha, que é a saída mais indicada, para aquelas que desejam reaver as suas sobrancelhas originais. 

Mas seja para fazer qualquer um dos processos, é mais do que importante, manter a pele sempre saudável e fortificada. Para isso, as divas brasileiras podem contar com uma super aliada: as cápsulas de fortificação capilar, BeautVip Hair. Com todos os seus ativos naturais, ela é capaz de fortificar a camada de proteção da pele, reavendo todo o brilho e a maciez perdidos por ela ao longo do tempo. 

Mas hoje, estamos aqui para falar do processo da despigmentação de sobrancelha. Por isso, continue ligadinha com a gente, caso você ainda tenha dúvidas a respeito do procedimento. Mas antes de tudo: 

O que é a micropigmentação? 

Vamos te mostrar do que se trata essa técnica.

O procedimento da micropigmentação de sobrancelha, consiste na aplicação de uma tinta especial nessa região, através de um aparelho, que se assemelha ao utilizado pelos tatuadores. A técnica não é permanente, mas tem uma durabilidade padrão de pelo ao menos 1 ano (dependendo dos cuidados empregados por cada uma).  

Essa técnica que se popularizou bastante no Brasil, principalmente por causa das influencers digitais, contém alguns riscos, como o desenvolvimento de alergias, ou proliferação de microorganismo nocivos para a saúde. Por isso, a Sociedade Brasileira de Dermatologia, desaprova e desencoraja a micropigmentação.  

Assim como qualquer outro procedimento estético, a micropigmentação pode não gerar os resultados esperados, e por isso deve existir uma técnica que seja capaz de reverter os seus efeitos. Seu nome é despigmentação de sobrancelha, e é sobre ela que iremos falar hoje. 

O que é despigmentação de sobrancelha? 

O processo de “colorir” as sobrancelhas é utilizada, principalmente por mulheres que possuem pelos espaçados demais, com cores fracas, ou até mesmo com algumas falhas. Diversas mulheres dizem ter recobrado a sua autoestima, ao simplesmente dar um pouco mais de vida para as suas sobrancelhas através dessa técnica. 

Mas também existem aquelas, que não ficaram felizes com os resultados, e por isso estão a procura de uma forma de fazer com que suas sobrancelhas voltem ao normal. A despigmentação serve justamente para isso, removendo o pigmento que foi aplicado durante a técnica, deixando a região com seu aspecto e com sua cor de outrora.  

  Hábitos que auxiliam no combate a acne

No entanto, quanto mais tempo a decisão de remover o pigmento, através da despigmentação demorar, mais difícil será o procedimento. Por isso avalie bem a sua situação, e tome a decisão o quanto antes. A despigmentação de sobrancelha, pode acontecer através de diversas técnicas. Por isso, iremos listar as principais. 

Técnicas de despigmentação de sobrancelha: 

Despigmentação de sobrancelha a laser: 

O uso de laser para remoção de pigmentos da pele (como nas tatuagens por exemplo), é uma técnica que tem sido bastante difundida pelo Brasil, e pelo mundo à fora. O processo pode causar certo desconforto, principalmente em pessoas mais sensíveis, mas por ser feito de maneira controlada, a dor é totalmente tolerável. Algumas pessoas necessitam de mais de uma sessão de despigmentação de sobrancelha a laser, para removerem por completo o pigmento. 

Despigmentação de sobrancelha com ácidos: 

É isso mesmo, a aplicação de ácidos nessa região, pode ser uma ótima forma de remover o pigmento das sobrancelhas. Esse é um dos procedimentos mais perigosos que já listamos até hoje, e por isso é necessário que o profissional tenha bastante conhecimento na área. 

Despigmentação de sobrancelha com excisão cirúrgica: 

Esse procedimento é mais indicado para situação de extrema gravidade, como o desenvolvimento de alergias ou outras reações adversar. Trata-se do processo de remover cirurgicamente o pigmento. No entanto, esse processo pode deixar cicatrizes na região. 

  Creme antissinais: conheça alguns critérios para fazer a sua escolha

Despigmentação de sobrancelha com salinidade: 

Como próprio nome já sugere, o sal entra nessa técnica de remoção de pigmento das sobrancelhas. Assim como a despigmentação de sobrancelha a laser, essa técnica pode causar desconforto, mas mais do que isso, um extremo ressecamento seguido da descamação da pele. Com aplicação de sal diluído em água, com a ajuda de um dermógrafo, o pigmento será “expulso” do organismo, mas de uma forma mais radical.  

Como escolher a melhor técnica? 

Cada caso necessita de um técnica específica.

Sempre procure pela opinião do profissional especializado nessa área, para escolher entre um procedimento e outro. Por exemplo, pode ser que a despigmentação de sobrancelha a laser, não seja a mais indicada para o seu caso, por n motivos. A visita a um dermatologista também é super importante, principalmente me casos onde ocorreram algum tipo de reação adversa.  

Esperamos que o nosso conteúdo possa ter te ajudado de alguma forma. Continue sempre nos acompanhando por aqui, para essas e outras dicas.