Conheça qual é o seu tipo de pele

0
41

Muitas pessoas ainda acham difícil saber seu tipo de pele, devido a falta de informação, porém essa desculpa acabou.

É muito importante ter esta informação, pois a partir dela sabemos quais são os produtos mais adequados e adequados, quais os produtos adequados às necessidades da sua pele e não causarão quaisquer reações adversas.

Conheça os tipos de pele que podemos reconhecer, suas características e a textura mais adequada para cada pele.

PELE NORMAL

Essa pele tem uma textura saudável, pode produzir a quantidade certa de gordura sem brilho ou ressecamento excessivos.

Se equilibra com a quantidade de água adequada para a saúde da pele.

Os poros são pequenos, quase sem sinais evidentes, e o aspecto é macio e denso, quase sem manchas.

Manter a hidratação da pele é essencial.

Uma das medidas preventivas mais importantes é que as rugas apareçam mais intensas na área dos olhos dessas pessoas.

Esse tipo de pele deve ter as mesmas rotinas de todos os outros que mencionaremos a seguir: limpar, condicionar, hidratar e proteger a pele, manter-se saudável e ficar longe de manchas.

PELE SECA

A pele seca carece de dois aspectos: água e sebo.

Tem uma aparência áspera, opaca e sem brilho, também é considerada desidratada e racha facilmente.

Devido à falta de oleosidade e perda excessiva de água, a capacidade protetora da pele é reduzida, e é fácil causar coceira, vermelhidão ou endurecimento da pele.

Fatores hormonais, idade, condições climáticas, banhos quentes e longos podem exacerbar essa situação.

A hidratação é uma das etapas principais no cuidado da pele seca.

Aumenta a hidratação da pele, protege e promove a renovação celular.

Além disso, pessoas com esse tipo de pele são mais propensas a rugas, por isso é interessante combinar produtos faciais com anti-envelhecimento.

Para obter a melhor textura para a pele seca, cremes e soros são ideais.

Eles reabastecem a alta umidade e reabastecem a água da pele seca, por isso são mais adequados para secar

PELE OLEOSA

Young woman with shiny face, close up

A pele oleosa produz muito sebo, o que torna a mais brilhante e pegajosa, e é mais propensa a acne.

A superfície é mais espessa, com grandes poros principalmente na testa, queixo e área do nariz.

O sebo excessivo na pele oleosa também é afetado pela dieta, estresse e hormônios, e também tem uma predisposição genética.

Normalmente, ao usar este tipo de pele, você sentirá que precisa lavar o rosto várias vezes ao dia para limpar a pele.

Porém, com o surgimento de certos hábitos, a oleosidade tende a aumentar, como a lavagem excessiva do rosto e o uso de cremes gordurosos.

Isso também pode acontecer em épocas mais frias, pois a finalidade da produção desse sebo é proteger e defender a área da exposição diurna ao sol, frio, chuva e ar condicionado.

Por ser um dos tipos de pele mais comuns do Brasil, existem muitos tipos de beleza de pele para ele.

Para a pele oleosa, os melhores produtos são os que não contêm oleosidade e têm textura fluida, também podem ser cremes em gel, loções e soros, além é claro dos filtros solares.

PELE MISTA

A pele mista tem aspecto oleoso, poros dilatados na testa, nariz e queixo (zona T), tendência para acne, bochechas e membros secos, descamação fácil e irritação.

Para equilibrá-los, além de evitar a adstringência excessiva, são necessários solução alcoólica e textura muito cremosa, hidratação e controle da oleosidade.

As texturas mais adequadas para este tipo de tom de pele são soro, gel e líquido.

Escolha sempre produtos sem óleo porque são leves e não deixam a pele pegajosa.